Curiosidades sobre as mulheres

Existem muitos fatos curiosos sobre as mulheres, independente da idade ou da fase da vida que estão vivendo. Vamos descobrir algumas dessas curiosidades?

Desde o seu nascimento, a mulher passa por inúmeras transformações físicas e emocionais. Cada fase da vida é cercada de curiosidades, descobertas, desafios e necessita de cuidados específicos. Quer descobrir um pouco mais sobre cada uma dessas fases da vida? Então continue conosco!  

 
Mulheres de 20
"Ela e seus mistérios. De mostrar ser pequena menina, mas no fundo ser grande mulher." Eis a definição da mulher de 20!
Esta é uma excelente fase para formar hábitos saudáveis de vida. A dica de ouro é administrar o tempo para que seja possível conciliar estudos, trabalho e promoção da saúde. A prática de atividade física e uma alimentação saudável e balanceada são alguns hábitos que precisam ser cultivados. Geralmente, quando isso ocorre, esses hábitos adquiridos a acompanharão no restante da vida. 
 
Outro cuidado muito importante nesta fase é com a pele. Apesar de possuírem uma pele perfeita e sem marcas de expressão, é importante formar o hábito de passar protetores solares e nunca dormir sem antes limpar o rosto e retirar a maquiagem. Hidratar e tonificar a pele são outros cuidados importantes pois ajudam a conservar a elasticidade por mais tempo, além de proporcionar uma boa lubrificação e maciez. 
 
Na alimentação, é necessário incluir fontes de ferro como feijão, vegetais verde-escuros, lentilha e ovo, por causa da perda de sangue pela menstruação. Junto desses alimentos, é importante comer frutas e legumes que forneçam vitamina C pois esta vitamina ajuda a fixar o ferro no organismo. Laranja, limão, manga, kiwi, morango, tomate e pimentão são algumas ótimas fontes de vitamina C.
 
Atenção para as dores de cólicas menstruais. Muitas vezes, sentir fortes dores e cólicas menstruais incontroláveis podem indicar a necessidade de um cuidado especial. Portanto, se esses sintomas existirem, procure a ajuda de um médico especializado em cuidar da saúde feminina – o ginecologista.
 
 
 
Mulheres de 30
Esta é a época de batalhar pela ascensão profissional, de se dividir mais intensamente entre os cuidados com a família e o trabalho. Por isso, é importante investir em alternativas para descarregar as pressões do dia a dia. Caminhadas ao ar livre, andar de bicicleta no parque ou começar uma academia podem ajudar tanto no alívio do estresse quanto contribuir para a prevenção de doenças com fatores hereditários como diabetes, hipertensão e colesterol alto.
 
É também época de começar a prevenir a osteoporose. Alimentos ricos em cálcio como leite, iogurte e derivados precisam ser consumidos regularmente. Brócolis e demais vegetais verde-escuros, linhaça, semente de gergelim, grão de bico e chia são ótimas opões também, pois, que além do cálcio fornecem magnésio, fibras e ferro.
 
A vitamina D é fundamental para a absorção do cálcio pelo organismo e é necessária atenção para que seus níveis estejam ideais no organismo. A vitamina D pode ser encontrada na alimentação, mas também é produzida pelo corpo a partir do contato dos raios solares com a pele. No entanto, é importante cuidado ao tempo e horário de exposição ao sol, sendo o começo da manhã e o final da tarde os melhores horários.
 
Mulheres de 40
Geralmente é quando a mulher se encontra mais estabilizada profissional e emocionalmente. Contudo, é a época em que o processo de envelhecimento começa a se anunciar com mais nitidez. O gasto metabólico começa a diminuir e a tendência é o aumento de peso. Por isso, os cuidados com a saúde precisam ser maiores. Beber água com abundancia, praticar atividades físicas regulares, não fumar e alimentar-se bem, evitando comidas gordurosas e açucaradas são algumas dicas valiosas.  
 
Nesta fase a mulher pode começar a apresentar deficiência na produção de estrogênio e de progesterona e por isso é provável acontecer alterações menstruais e ondas de calor. Esses são os primeiros sintomas da menopausa. A vitamina E pode ser uma boa aliada para este quadro. Ela é um poderoso antioxidante, prevenindo e reduzindo os danos causados por radicais livres, atuando no crescimento e fortalecimento do cabelo e na saúde da pele e auxiliando no alívio dos sintomas da TPM (Tensão Pré-Menstrual) e da menopausa.  
A vitamina E é encontrada em oleaginosas (como nozes e amêndoas), em sementes (como a linhaça e girassol), em vegetais verde-escuros (como a couve, o brócolis e o espinafre), no abacate e em óleos vegetais.
  
Não deixe de buscar ajuda médica profissional e lembre-se de realizar periodicamente exames como mamografia e preventivo de câncer de colo de útero.
 
Mulheres de 50
Nesta fase ocorre a transição entre o período reprodutivo e o não reprodutivo da vida da mulher. Esse período de transição é conhecido como climatério e termina com a menopausa, que corresponde ao último período menstrual, somente reconhecida após passarem-se 12 meses. A idade média de ocorrência da menopausa é aos 50 anos. No entanto, esse processo pode se estender até os 65 anos de idade.
 
 
A menopausa não é uma doença e sim uma fase de mudanças, transformação e adaptação da vida da mulher. A maioria das mulheres passam por ela sem apresentar queixas e sem necessitar de medicamentos. Outras apresentam sintomas de intensidade variável e que são, geralmente, transitórios. Portanto, é necessário um acompanhamento médico qualificado para orientar sobre a necessidade ou não de reposição hormonal.
 
É importante não descuidar da aparência e aproveitar todas as oportunidades para desfazer velhos paradigmas e rejuvenescer por dentro e por fora. Pode ser que seja necessário o uso de óculos. Invista então em modelos modernos e que valorizem o seu rosto! 
 
É necessário também cuidar da pele e das consequentes marcas de expressão, redobrando a atenção na exposição ao sol. Procure ir ao dermatologista para avaliação das manchas que começam a surgir e de eventuais lesões. Além disso, mantenha em dia os exames de rotina e de sangue, que devem incluir testes de glicemia, tireóide e hormonal.
 
Mulheres de 60 ou mais
Quando chegam a esta idade, muitas mulheres já se aposentaram. Mas nem por isso devem passar a maior parte do tempo em casa. Procure atividades para sair da sua rotina e evite ficar sempre sozinha dentro de casa. Aumente o seu círculo de amizades, converse com os jovens, diverta-se!
 
Na alimentação, prefira alimentos ricos em cálcio, desnatados e menos gordurosos. Cuide também da pele, nunca esquecendo-se do filtro solar com fator FSP alto, principalmene nas áreas do pescoço e dos braços.
 
Após os 65 anos, a tendência é dormir menos à noite. Se já estiver aposentada, procure compensar dormindo um pouco à tarde. 
 
Muitas vezes nessa idade surgem as preocupações sobre os efeitos do tempo no corpo e na mente. Mas você não pode deixar essas preocupações roubar o brilho dos seus olhos e a felicidade de viver e aproveitar cada dia. Muita experiência, vivência e sabedoria que só a idade pode trazer precisam ser compartilhadas com a geração mais jovem.
 
Aprenda também algo novo, ensine o que sabe, ajude, sirva, ame, sonhe e desafie a si mesma. Você ainda tem muitos capítulos para serem escritos pela frente!
 
 
 
Mulheres, mais do que um dia e presentes, merecem sempre carinho, respeito, compreensão e cuidados! Não deixe para cuidar de você apenas um dia no ano. Você é valiosa e merece desfrutar de muita saúde todos os dias e em todas as fases da vida!
Não importa qual a sua idade, a Clínica Oásis Paranaense oferece cuidados específicos para a saúde da mulher! Venha conhecer nossos serviços!